Como joga taticamente o Bragantino, adversário do Sport no Brasileirão

Por: Felipe Holanda

O Sport volta a campo neste domingo (18) para enfrentar o Bragantino, fora de casa, pela 17ª rodada do Brasileirão. Separamos para a torcida leonina tudo sobre o próximo adversário: provável escalação, jogadores para ficar de olho e muito mais.

Sob o comando de Mauricio Barbieri, segundo treinador do time nesta Série A, o Braga deve ir a campo no tradicional 4-2-3-1. O time conta com o retorno de Artur na ponta esquerda e do zagueiro Léo Ortiz, ex-Sport, que voltam de lesão – Ortiz entrou no segundo tempo contra o Flamengo.

Provável escalação do Bragantino (Feito no Tactical Pad)

COMO DEFENDE

A marcação mais natural do Massa Bruta é o 4-4-2 em bloco médio/baixo nas situações defensivas. Assim, a equipe pressiona a partir do meio campo e força o adversário a utilizar a jogada pelos lados do campo, obrigando cruzamento.

Bragantino em marcação contra o Ceará (Imagens: Premiere)

Também pode acontecer do Braga se postar no 4-3-2-1 na organização defensiva, também preenchendo o meio, dificultando a troca de passes do rival e pressionando o portador da bola.

Massa Bruta no 4-3-2-1 (Imagens: Sportv)

Outro estilo defensivo que já foi observado foi uma marcação zonal, com três ou quatro marcadores por setor. Desta forma, a equipe paulista se posta numa espécie de 4-4-1-1 quando é atacada.

Diante do São Paulo, adversário do Leão usa uma espécie de 4-4-1-1 (Imagens: Premiere)

Ao contrário do que possa parecer, o time não costuma se defender passivamente e muitas vezes adianta a marcação já no campo de ataque. O objetivo é desarmar o adversário e iniciar rapidamente a transição ofensiva.

Braga pressionando a saída do Fla (Imagens: Sportv)

Marcando adiantando, o Bragantino tem boas chances de roubar a bola e finalizar no gol. Foi o que aconteceu diante do Ceará, quando Alerrandro, que não enfrenta o Sport por lesão no joelho (veja lista de desfalques abaixo), quase marcou.

Massa Bruta mais uma vez apertando a saída (Imagens: Premiere)

COMO ATACA

Indo para a parte ofensiva, o Red Bull tem se mostrado uma equipe flexível em seus mecanismos. Em determinadas fases do jogo podem buscar uma saída de bola curta e sustentada, em outras podem usar a ligação direta para Ytalo.

Quando é usada a saída curta, como aconteceu diante do Flamengo, a equipe pode variar principalmente em uma saída 3+2+3 com a participação dos zagueiros, laterais, volantes, meias e pontas.

Braga na saída contra o Flamengo (Imagens: Sportv)

E justamente contra o Fla o Braga fez um dos gols mais bonitos da temporada. A jogada foi linda do começo ao fim e durou ao todo 19 segundos, culminando com a finalização precisa de Claudinho para estufar as redes.

Um dos pontos fortes do time é a utilização dos pontas em jogadas aguadas. Diante do Leão, Barbieri terá o retorno de Artur pela direita, atleta que vem participando efetivamente de boa parte dos gols do Red Bull.

Boa jogada de Artur, que culminou no gol do Massa Bruta (Imagens: Premiere

O Braga consegue ser letal na troca de passes rápidos, quebrando as linhas defensivas do rival, como aconteceu no gol de Lucas Evangelista, contra o Ceará, após passe de Alerrandro – os dois não jogam contra o Sport.

PRA FICAR DE OLHO

Léo Ortiz (ZAG) – O Leão tem que ficar ligado em alguns jogadores do Braga. Um deles é o velho conhecido Léo Ortiz. Se destaca especialmente pelo seu qualificado passe vertical em momentos de saída de bola. Além disso, não costuma comprometer defendendo a área e marca seus golszinhos. Então, “xô” Lei do ex.

Claudinho  (MEIA) – Outro que costuma se destacar é Claudinho, que vem voando nos últimos jogos. O meia é um dos artilheiro do time neste Brasileirão, com cinco gols, e costuma infernizar as defesas rivais. Adryelson e Maidana que se cuidem.

Artur (PD) – Principal válvula de escape, Artur tem um arranque muito bom e gera muito perigo em transições rápidas. Ainda peca em momentos de tomada de decisão, mas no geral costuma levar perigo especialmente quando consegue finalizar com a perna esquerda.

Quem não joga: Lucas Evangelista (Covid-19), Matheus Jesus (incômodo na coxa), Vitinho (lesão no tornozelo), Wesley (dores na coxa), Thonny Anderson (nascimento da filha), Alerrandro (joelho) e Léo Realpe (dores no joelho)

Pendurados: Léo Ortiz, Ryller, Lucas Evangelista, Bruno Tubarão e Claudinho.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: