Náutico na Série B: como joga taticamente o Operário-PR

Vivendo momento conturbado na Série B, o Náutico tem nova árdua missão para exorcizar fantasmas e sair da zona de rebaixamento. Um deles é o Operário, adversário desta sexta-feira (13), às 16h30, no Germano Krüger. A outra é a própria má fase do Timbu, pois somente uma vitória foi somada – contra o Oeste – nos últimos 10 jogos.

Nesta análise, o Pernambutático separa para a torcida alvirrubra tudo sobre o próximo adversário na Segundona: provável escalação, jogadores para ficar de olho do Fantasma e muito mais.

Fantasma deve ter novidades na escalação para jogo com Timbu (Feito no TacticalPad)

COMO ATACA

Dono do quinto pior ataque da competição com 18 gols, junto curiosamente ao Timba, o time paranaense tem encontrado dificuldades para balançar as redes. Nos três duelos sob o comando de Matheus Costa, somente um tento – diante do Figueirense – foi assinalado, porém não saiu dos pés de algum de seus jogadores, já que o zagueiro Paulo Ricardo fez contra.

4-2-3-1 dos alvinegros com três atacantes em campo (Imagem: SporTV/Premiere)

Nos últimos compromissos, o técnico alvinegro tem alternado entre dois e três atacantes na escalação, mas sempre atacando no 4-2-3-1. Com isso, Douglas Coutinho abre do lado direito, Jefinho fica isolado na referência e Thomaz, originalmente na armação, cai pela esquerda ofensiva; Jean Carlo e Marcelo trocam de posição no meio e não fixam um armador, que ainda tem a opção de ter Tomas Bastos acionado.

4-2-3-1 do Fantasma com 4-2-2-2 de tática-base (Imagem: Premiere)

Os dois laterais que devem ser acionados frente aos alvirrubros mostraram saber chegar ao ataque. São eles Alex Silva, por entrar bem no decorrer das partidas na vaga de Sávio, e Fabiano, ex-Santa Cruz, agora dono da lateral-esquerda no lugar de Peixoto; ambos têm dado amplitude ao chegarem na faixa central e dado mais dinâmica na troca de passes do meio em diante.

COMO DEFENDE

Se o setor ofensivo deixa a desejar, do defensivo não pode se dizer o mesmo. O Fantasma foi vazado por apenas 18 vezes na Segundona, possuíndo assim a quinta defesa melhor defesa e sofrendo gols em 14 dos 20 confrontos. Muito se deve ao modelo com duas linhas de 4, usadas tanto com Gerson Gusmão, como com Matheus Costa.

Alvinegros se defendem com duas linhas de 4 para tentar minimizar espaços (Imagem: SporTV/Premiere)

Os volantes – Leandro Vilela e Marcelo – guardam bem a respectiva posição, o que facilita na transição da equipe. Os atacantes de beirada recompõem pelos lados, enquanto o meia responsável pela armação de jogadas forma dupla de ataque com o centroavante. Ainda assim, um ponto fraco nesse sistema de marcação é a bola aérea, pois geralmente os zagueiros cedem espaço nas costas.

Ainda há uma indefinição de como deverá ser formada a zaga do alvinegro paranaense, pois Ricardo Silva sofreu uma entorse no tornozelo no jogo com o Figueirense e é dúvida. Caso não tenha condições, Sosa será acionado em seu lugar, já Thiago Braga parece ter se consolidado na meta da equipe, pois entrou frente ao Sampaio Corrêa há pouco mais de dois meses e não largou mais a titularidade.

PRA FICAR DE OLHO

Marcelo (MEI) – Principal pensador do time, Marcelo é quem faz a bola girar e sair melhor da defesa ao ataque. Apesar de jogar um pouco mais atrás da armação, vem mostrando qualidade quando chega agudo no setor ofensivo, marcando dois gols e dando duas assistências, sendo pouco menos de 25% de participação nos 18 assinalados pela equipe.

Douglas Coutinho (ATA) – Mesmo com apenas um gol feito na Segundona, o jogador é o artilheiro do Fantasma na temporada, com seis. Dinâmico pelos lados, é uma das armas de velocidade e pode dar um ritmo diferenciado ao setor ofensivo e, assim, confundir a marcação alvirrubra.

Thomaz (ATA) – Peça importante ao ataque alvinegro, Thomaz tem se mostrado polivalente no setor. Por vezes, atua por dentro, na armação, no entanto alterna com as extremidades – geralmente pela esquerda – e tem ajudado na criação das jogadas, acertando maioria dos passes que tentou na competição

Crédito da foto principal: André Jonsson/OFEC

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: