Corais vacilam de novo: análise Jacuipense 1×0 Santa Cruz

Por: Felipe Holanda

O Santa Cruz voltou a repetir os mesmos erros e perdeu a segunda seguida na Série C do Brasileiro. Vacilou e levou 1 x 0 do Jacuipense, nesta segunda-feira (30), em Salvador, pela penúltima rodada da primeira fase. O Tricolor, contudo, já está classificado por antecedência, na liderança do Grupo A.

E olhe que o Mais Querido entrou em campo com força máxima, exceto pela lesão de Victor Rangel. Dessa forma, se postou no tradicional 4-2-3-1 de Marcelo Martelotte, com amplitude no ataque e na defesa.

Disposição tática inicial da Cobra Coral (Feito no Tactical Pad)

COMO FOI

O Santa começou apertando colocando a Jacuipense contra as cordas. Ofensivamente, preenchia o meio, com a chegada dos laterais no apoio. Perí cruzou bem, Pipico testou para o gol, mandando por cima da meta grená.

Postura ofensiva do Mais Querido (Imagem: DAZN)

Com a marcação alta, o time de fechava os espaços e dificultava bastante a criação de jogadas do Jacupa, que acabava abusando das ligações diretas. Do outro lado, a construção ofensiva dos corais era feita com facilidade, com uma saída de 3+1, que confundia a marcação do Leão da Sisal.

Defensivamente, a aposta muitas vezes passava passava por uma linha inicial de cinco em situações defensivas, à medida que os donos da casa iam crescendo na partida, rondando a meta de Maycon Cleiton.

Equipe fechada na defesa para segurar o ímpeto baiano (Imagem: DAZN)

A primeira chance realmente clara, todavia, foi pernambucana, quando William Alves completou outro cruzamento de Perí e acertou o travessão. A arbitragem viu carga de Danny Moraes em Josa e marcou falta de ataque.

Com Chiquinho e Pipico voltando constantemente para buscar a bola, a Cobra Coral produziu muito pouco, tendo os extremos, Didira na esquerda, e Lourenço na direita, em atuação aquém.

O balde de água fria veio quando o arqueiro das três cores saiu jogando errado, Rafael Bastos cruzou na área e Levi mandou para o fundo das redes, abrindo o placar e selando o resultado.

FICHA DO JOGO

Jacuipense 1 Jordan, Raniele (Lucas), Kanu, Railon e Vicente; Josa (Matheus), Thiaguinho (Levi), Eudair, Peixoto e Ruan Levine (Rafael Bastos); Dinei. Treinador: Jonilson Veloso.
Santa Cruz 0 Maycon Cleiton; Toty, William Alves, Danny Morais e Perí; Bileu, Paulinho (Tinga), Chiquinho e Didira (Jáderson); Lourenço (Jeremias) e Pipico (Caio Mancha). Treinador: Marcelo Martelotte.
Local: Metropolitano de Pituaçu, em Salvador/BAGols: Levi (36’/2ºT | JAC)Cartões Amarelos: Bileu, Toty (SAN), Kanu, Peixoto (JAC)Arbitragem: João Ennio Sobral (RJ)Assistentes: Jucimar dos Santos Dias (BA) e Marcus Vinicius Machado Araujo Brandao (RJ)

Créditos da foto principal: Renan Oliveira/E.C. Jacuipense

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: