Análise dos adversários pernambucanos na Copa do Brasil

Por: Felipe Holanda e Mateus Schuler

Os times pernambucanos já sabem dos primeiros cascalhos que terão pela frente na Copa do Brasil de 2021 após sorteio realizado nesta terça-feira (2), na sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Sport, Salgueiro, Retrô e Santa Cruz vão ao torneio para galgar posições importantes no cenário nacional e rumar ao soberbo estendal.

Nesta análise, o Pernambutático disseca taticamente os adversários, destacando principais formações táticas, números, jogadores para ficar de olho e muito mais sobre cada um dos oponentes do Leão, do Carcará, da Fênix e da Cobra Coral.

UM CANCÃO DE FOGO NO CAMINHO RUBRO-NEGRO

Adversária do Sport na primeira fase do certame, a Juazeirense é um dos times que tem um esquema tático definido. Comandada por Givanildo Sales, explora um 4-2-3-1 com a posse de bola e geralmente se fecha no 5-4-1 sem ela. Foi assim que atuou nos últimos jogos pelo Estadual neste início de temporada.

Posicionamento defensivo do Canconero (Imagem: TVE)

O Cancão de Fogo tem a característica de utilizar bastante os laterais no ataque na busca de surpreender o adversário entrelinhas. Enquanto um lateral sobe, o outro se mantém fixo lá atrás, com uma trinca de atacantes à espera do passe ou cruzamento.

Possível formação diante do rubro-negro da Ilha (Feito no Tactical Pad)

No torneio nacional, a equipe baiana tem apenas duas participações. Sua melhor campanha foi em 2016, quando caiu na 2ª fase para o Botafogo, igualada com 2019, ano em que foi eliminado pelo Vasco.

DESTAQUES:

Goleiro Rodrigo Calaça, que passou pelo Sport em 2011;
Lateral-esquerdo Daniel Nazaré, destaque pelo Salgueiro na última temporada e que entrou para nossa seleção do Brasileiro;
Meia Clébson, rodado no futebol pernambucano e que se consagrou por ter conquistado o acesso à Série B em 2010 pelo Carcará

PESO PESADO PARA OS SERTANEJOS

O Salgueiro, atual campeão Pernambucano, é quem tem o adversário mais complicado nesta primeira fase: o Corinthians. Após o 12º lugar na Série A, o alvinegro vem atuando com um time de transição, com alguns jovens da base, mas outros bem experientes que não foram muito utilizados na última temporada.

No empate sem gols com o Bragantino, comandada por Vágner Mancini, a equipe mostrou ter preferências por uma marcação zonal em bloco médio, geralmente formando um 4-2-3-1 buscando compactação; outra opção é o 4-1-4-1, com um dos cabeças de área à frente da primeira linha.

Escalação diante do Massa Bruta (Feito no Tactical Pad)

O mesmo 4-2-3-1 é visto no ataque, quando os volantes participam efetivamente da troca de passes, enquanto os meias dão amplitude pelas bordas. Como o jogo ainda não tem data definida, é possível que o Timão enfrente o Carcará com força máxima, já que a Copa do Brasil é considerada mais rentável que o Estadual.

Investia corintiana frente o Braga (Imagem: GE)

Com 25 participações e tricampeão do torneio (1995, 2002 e 2009), o time do Parque São Jorge sempre entra como um dos principais favoritos a chegar no pelotão de cima. Em 2020, foi eliminado pelo América-MG nas oitavas de final.

DESTAQUES:

Cássio, goleiro. Apesar de não viver boa fase, é um dos ídolos da história recente do Corinthians;
Volante Ramiro, que ainda não encontrou seu melhor futebol na capital paulista após brilhar no Grêmio;
Léo Natel, meia-atacante que tem um bom chute de média e longa distância.

O CHOQUE ENTRE A FÊNIX E O MARRECO

O Brusque é uma equipe que propõe muito o jogo principalmente jogando pelo lado do campo explorando os corredores. É um time que tem boa saída de bola, com uma transição muito rápida, e que gosta de jogar com dois pontas velozes nas costas da zaga.

Em 2020, o time jogava no esquema 4-3-3 com um homem centralizado, o artilheiro Edu. Após contusão do jogador, na estreia da Série C, o técnico Jersinho tentou, mas não conseguiu achar um jogador com as características do atacante, que, além de finalizador nato, tinha como característica fazer muito bem a parede para atrair a marcação e abrir espaços para Thiago Alagoano, o principal destaque técnico do Marreco.

Possível formação inicial do Marreco contra o Retrô (Feito no Tactical Pad)

Este ano, Jersinho tem montado a equipe no esquema 4-4-2, com Thiago Alagoano e Bruno Mota mais adiantados. Dependendo da situação do jogo, Alagoano recua para a criação, atraindo a marcação para o avanço dos pontas Bruno Alves e Marco Antonio, fazendo o esquema variar novamente para o 4-3-3, neste caso com Mota centralizado.

4-4-2 bagunçado do Marreco no Estadual(Imagem: Catarinense TV)

Os catarinenses somam seis participações no certame, com a melhor campanha justamente na temporada passada, em 2020, quando chegou à 4ª fase, eliminando Sport, Remo e Brasil-RS, mas caindo para o Ceará.

DESTAQUES:

Lateral-direito Toty, que passou pelo Santa bem demais em 2020;
Meia Marco Antônio, um dos destaques no acesso à Série B;
Atacante Thiago Alagoano, vice-artilheiro e o principal nome do time.

NEGRO-ANIL INDEFINIDO

Campeão amapaense de 2020, o Ypiranga está longe dos gramados desde outubro, quando entrou em campo pela final. Para a oitava participação na Copa do Brasil, o time vive um momento conturbado nos bastidores, pois a diretoria foi afastada no início de fevereiro por suposta ilegalidade nas eleições de janeiro; com isso, Ricardo Oliveira voltou a assumir o cargo.

Mesmo cheio de indefinições, o técnico Vitor Jaime está mantido no cargo do Clube da Torre, já que a conquista do Estadual e o entrosamento podem ser um trunfo para 2021. Sem elenco confirmado, porém, clube busca ressurgir após fracasso na Série D por falta de recursos.

Créditos da foto principal: Avocado Midia/Copa do Brasil

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: