Dois gols mal anulados e um empate amargo: análise Sport 1×1 4 de Julho

Por: Mateus Schuler

A primeira vitória do Sport na Copa do Nordeste foi por água abaixo e adiada. Apesar de não ter sido produtivo em campo, o Leão teve dois gols mal anulados e ficou no empate por 1×1 diante do 4 de Julho, na noite desta quarta-feira (17), pelo jogo que encerrou a 3ª rodada do Nordestão; equipe amarga a segunda igualdade.

Com mais um resultado ruim dentro de seus domínios, os rubro-negros se mantém na lanterna do Grupo B, mas agora indo a dois pontos. O próximo compromisso pelo regional será já neste sábado (20), diante do Bahia, às 16h na Arena Fonte Nova para tentar seguir vivo por classificação às quartas de final.

Apoie nosso site e receba conteúdos exclusivos do seu time de coração

Ainda sem Maidana, Júnior Tavares, Betinho, Thiago Lopes, Dalberto, Jonas Toró, Neílton e Maxwel, que aguardam regularização, e Patric, vetado após uma lesão no joelho, Jair Ventura optou pela manutenção. Assim, o time foi a campo no 4-3-3, repetindo a base que iniciou o clássico contra o Santa Cruz no último fim de semana.

Jair manteve Leão no 4-3-3 diante do Gavião Colorado (Feito no TacticalPad)

COMO FOI

Ciente da necessidade de sair vitorioso, por conta da sequência negativa na competição, o Leão até começou indo para cima tentando pressionar o 4 de Julho. Em um dos raros lances, Ewerthon recebeu bom lançamento pelo lado direita de Ricardinho e acertou o travessão, dando um susto na defensiva do Gavião.

Quando tudo parecia que estaria favorável aos rubro-negros, por estarem no ataque mais frequentemente, um banho de água fria, apesar de duas linhas de quatro e blocos médios. Ítalo Pica-Pau fez lance individual pela esquerda e serviu Diguinho, que finalizou na direção da pequena área, mas Luan Polli falhou feio e mandou de soco para dentro da própria meta.

A desvantagem deixou o Sport cada vez mais nervoso em campo, sem criar com qualidade e vendo os piauienses ditarem o ritmo pelo meio. Postado no 4-3-3 ao atacar e usando os lados como principal arma, os comandados de Jair Ventura tiveram um novo fôlego no último lance da etapa inicial. Mikael soltou uma pancada em cobrança de falta, porém Jaílson não segurou; no rebote, Rafael Thyere completou de cabeça.

Leoninos se defenderam com duas linhas de 4 com blocos médio-baixos (Imagem: Reprodução/Nordeste FC)

Para a etapa final, os leoninos voltaram com uma mudança para tentar dar novo fôlego no setor ofensivo. Mateusinho, que pouco apareceu no jogo, deu espaço para a entrada de Paulinho. A modificação manteve a estrutura dos rubro-negros, contudo melhorou na criação; faltou, por sua vez, efetividade no último terço.

Sem essa produtividade, Jair resolveu realizar mais duas substituições para arrumar melhor o ataque, com Luciano Juba e Paulinho ocupando os lugares de Ronaldo e Gustavo, respectivamente. As alterações melhoraram bastante a produção, pois o Colorado passou a ficar acanhado. Rafael Thyere lançou em profundidade para Paulinho, que deixou Mikael, em posição legal, tocar para o gol, mas a arbitragem impugnou incorretamente.

Nos minutos finais de partida, a rede dos piauienses voltou a ser balançada na Ilha do Retiro, entretanto nova confusão com o árbitro e o placar não teve alterações. Após lançamento na pequena área, Rafael Thyere, também livre de impedimento, encostou e a bola caiu no pé de Mikael; o camisa 99 deixou para Pablo Pardal soltar o pé no canto direito, porém a jogada foi invalidada.

Rubro-negros foram mais incisivos com trinca ofensiva veloz (Imagem: Reprodução/Nordeste FC)

Crédito da foto principal: Anderson Stevens/Sport

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

<span>%d</span> blogueiros gostam disto: