Um ponto a ser comemorado: análise Confiança 0x0 Salgueiro

O Salgueiro vem salvando a lavoura de Pernambuco na Copa do Nordeste. Em jogo complicado, o Carcará segurou o empate sem gols contra o Confiança neste sábado (21) no Barretão, em Lagarto, continuando próximo ao G-4 do Grupo B e sonhando com a classificação às quartas de final, ausente desde 2016.

O Tricolor do Sertão chega a quatro pontos após quatro rodadas e fica na 6ª posição da sua chave, dois abaixo do grupo classificatório à segunda fase. O próximo compromisso dos sertanejos é nesta quarta-feira (24), no Cornélio de Barros, às 19h30 diante do Treze em confronto que pode ajudar na briga pelo regional.

Apoie nosso site e receba conteúdos exclusivos do seu time de coração

Para esquecer a eliminação na Copa do Brasil e retornar suas atenções à Lampions, o time contou com quatro mudanças. Foram acionados Dadinha, Aruá, Daniel Passira e Alison entre os 11, sendo substituídos Sinho, Moreilândia, Thomas Anderson e Tarcísio, respectivamente; apesar disso, o 4-3-3 seguiu na equipe.

Carcará foi a campo no 4-3-3 mantido por Daniel Neri (Feito no TacticalPad)

COMO FOI

Seguindo a tônica tática dos últimos jogos, o Salgueiro entrou mais acuado e buscando contra-atacar para poder surpreender fora de casa. Por conta da postura mais defensiva, chamou muito o Confiança para seu campo, sendo pressionado; não por acaso, tomou dois sustos antes de conseguir criar sua primeira boa chance.

Felipe Baiano tentou lançar em profunidade para a trinca ofensiva do Tricolor do Sertão, que estava bem postada, mas Nery Bareiro apareceu para cortar. A bola, no entanto, foi mal rebatida pelo defensor do Proletário e caiu no pé de Cássio Ortega; o camisa 10 puxou da esquerda para a direita e finalizou sobre o gol.

Postura defensiva dos sertanejos (Imagem: Nordeste FC)

Apesar de não conseguir ser criativo, o Carcará tinha mais a posse, inclusive durante a etapa inicial. No segundo tempo, com os sergipanos crescendo na partida, Daniel Neri optou por recuar, sacando Alison e Felipe Baiano para as entradas de Sinho e Moreilândia. As substituições fizeram os sertanejos terem maior presença defensiva, mas mantendo a cautela desde o início.

Com o equilíbrio das investidas do adversário, os salgueirenses deram fôlego novo ao seu setor ofensivo com Thomas Anderson e Emanuel acionados nas vagas de Daniel Passira e Cássio Ortega, respectivamente. As mudanças, no entanto, não surtiram tanto efeito, porém Lucas foi o herói da noite fazendo defesas importantes e segurando o empate sem gols.

Uma das poucas investidas ofensivas do Carcará (Imagem: Nordeste FC)

Crédito da foto principal: Lucas Almeida/ADC

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

<span>%d</span> blogueiros gostam disto: