Sport na Copa do Nordeste: como joga taticamente o Confiança

Por: Mateus Schuler

Déjà-vu rubro-negro. Velho conhecido do Sport, Daniel Paulista volta à Ilha do Retiro para enfrentar o ex-clube em jogo com caráter decisivo. Enquanto o Leão busca a primeira vitória na Copa do Nordeste, o Confiança, treinado por Daniel, tem o mesmo objetivo. Reencontro está marcado para esta terça-feira (23) às 19h, no Recife, pela quinta rodada do Nordestão.

Rubro-negros entram em campo para esquecer a goleada vexatória contra o Bahia e seguir vivos na disputa pela vaga nas quartas de final. Separamos para a torcida leonina tudo sobre o próximo adversário: prováveis formações táticas, números, pontos fortes e fracos, jogadores para ficar de olho, informações exclusivas de um setorista e muito mais do Dragão.

Apoie nosso site e receba conteúdos exclusivos do seu time de coração

Para tentar também vencer pela primeira vez, o Proletário segue sem contar com presenças de Altemar e Pedro Paraguai, ambos vetados pelo departamento médico. Apesar de não ter batido o Salgueiro no último jogo, a tendência é de Daniel repetir a base da escalação, formando no 4-4-2 com cautela na marcação e intenso ao atacar, tendo dúvidas apenas por opção.

4-2-2-2 do Confiança pode ter alternância ao 4-3-3 quando ataca (Feito no TacticalPad)

COMO ATACA

Mesmo com a base ofensiva ter dois meio-campistas e dois atacantes, há a variação – bastante frequente – ao 4-1-2-3, com o 4-2-1-3 sendo uma outra alternativa. Álvaro é o homem do meio que abre na beirada, enquanto que Bruninho, ex-jogador do Sport, cai na armação; às vezes é apoiado por um dos volantes, em outras fica isolado.

O armador do Dragão faz uma criação alternada, podendo abrir pelos lados do campo com os pontas para explorar a velocidade, mas também entra na área adversária ajudando o centroavante. O lateral-direito Marcelinho é uma arma também quando está presente ao ataque, pois tem bom cruzamento e tenta achar algum companheiro em liberdade.

“Sem Reis, o principal nome do ataque em 2020, Daniel tem tido pouco padrão ofensivo. A aposta é dar amplitude para os laterais atacarem, com triangulações sendo frequentes entre as peças de frente; a arma mais criativa é a bola parada”

Fabrício Santos, repórter da It TV Plus
Além de muita amplitude, sergipanos têm frequente troca de posição no ataque (Imagem: Nordeste FC)

COMO DEFENDE

Na defesa, a postura não é tão diferente do que os leoninos já tenham visto em outros adversários. Com duas linhas e blocos médios-baixos quando é visitante, o time sergipano busca ficar mais em seu campo para forçar um contra-ataque, fazendo transições suaves e sem ceder tantos espaços ao recompor.

O posicionamento, no entanto, é falho entrelinhas, já que os defensores são lentos e geram essas brechas. Formando um 4-4-1-1, que alterna ao 5-4-1, o Proletário tenta segurar os ímpetos tanto pelos lados, como no meio, porém a falha na comunicação e/ou erros individuais estão ocasionando em lances de perigo contra a meta.

“De longe o maior problema do time é a defesa, mesmo não sendo vazado em dois jogos. O time sofre com mais jogadas em velocidade pelos lados, sentindo também a falta de entrosamento entre as peças”

Fabrício Santos, repórter da It TV Plus
Sistema defensivo do Azulão se posta muito desorganizado (Imagem: Nordeste FC)

PARA FICAR DE OLHO

Gilberto (VOL) – Um dos reforços do Dragão após o fim da Série B, o volante é peça importante no esquema, já que é o pilar do meio-campo. Com força na marcação, foi acionado como titular em todos os cinco jogos que disputou; a equipe, porém, fez oito. Com possibilidade de alternar para zagueiro, ajuda o técnico Daniel Paulista a fazer variações no sistema tático sem substituições.

Bruninho (MEI) – Considerado promessa do Atlético-MG, passou pela Ilha do Retiro sem deixar saudades em 2020, mas tem impacto positivo no Proletário. Seja com passes ou infiltrações, tem se destacado e faz a diferença para que o time seja intenso tanto na criação, como na conclusão; assim, figura como artilheiro azulino na Copa do Nordeste.

Lucas Barcelos (ATA) – Emprestado pelo Fluminense, o atacante da equipe sergipana tem chamado a atenção pelo bom posicionamento e finalização. Não por acaso é o artilheiro do Confiança na atual temporada, com três gols marcados, e qualquer espaço concedido pode ser fatal, variando bastante o posicionamento na trinca ofensiva.

Crédito da foto principal: Mikael Machado/ADC

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

<span>%d</span> blogueiros gostam disto: