Mais tempo e opções: como Bolívar pode montar o Santa Cruz na Série C

Por: Felipe Holanda

A procura da batida perfeita. Com mais tempo de trabalho e a chegada de novas peças, Bolívar ganha mais opções para o montar o time do Santa Cruz na Série C do Campeonato Brasileiro. Vindo de três eliminações na temporada, os corais veem na Terceirona a chance de salvar o ano e conquistar o tão sonhado acesso.

Listamos as possibilidades de montagem da equipe tricolor, com movimentações táticas, variações de jogo, possíveis escalações, e como o treinador pode utilizar os reforços entre os titulares.

Apoie o Pernambutático e receba conteúdos exclusivos do seu time de coração

ATACANDO

Com mais tempo para treinamentos, passando por uma intertemporada em Aldeia, a tendência é que o Santa chegue mais encorpado na Série C. Por outro lado, o hiato sem partidas oficiais pode influenciar no ritmo de jogo. A estreia na Terceirona está marcada para o próximo domingo (30), contra o Manaus, na Arena da Amazônia.

Outro ponto de interrogação fica por conta do entrosamento entre os reforços. Contra o Gavião do Norte, no entanto, Bolívar deve promover novidades na escalação, mas mantendo o 4-3-3 ou 4-2-2-2 como base. Do fim do Pernambucano até aqui, seis atletas foram anunciados e vão realizar suas estreias na Série C. Outros dois jogadores, mesmo com mais tempo de clube, também ainda não jogaram: o zagueiro Hebert e o volante Everton Dias.

“Eu tenho uma maneira de variações, sem mudar peças, a depender dos adversários. Seja um 4-2-3-1, 4-3-3-, um 4-1-4-1. O meu conceito é esse, de se adaptar ao proposto pelo jogo. O Santa Cruz foi o mais assertivo nas contratações porque a gente não pode errar e todos eles chegam para somar e a Série C é uma competição muito difícil”

Bolívar, em entrevista ao Podcast Beberibe 1285

Caso tenha todos os reforços à disposição – veja abaixo a lista dos que esperam por regularização -, Bolívar pode apostar em sangue novo no ataque e no meio de campo tricolor, tendo as estreias de Rondinelly, ex-Ferroviária, e Fauver Frank, ex-Afogados; contestado, o zagueiro Wiliam Alves pode ir para a reserva.

Possível caso os reforços estejam aptos a jogar (Feito no Tactical Pad)

Nos tempos de América-RN, Rondinelly mostrou que faz bem as duas funções na criação, com uma qualidade apurada no passe e sempre enxergando bem o jogo. Na semana passada, publicamos uma análise do reforço, dissecando suas principais características.

Já Frank, outro que deve jogar, chega para ser titular pelo que fez no Pernambucano. Com quatro gols marcados, foi o artilheiro da Coruja, tendo a finalização de média distância como grande qualidade, como também adiantamos.

Outra alternativa é sacar o artilheiro Pipico, que vive uma seca de gols, do time. Assim, Bolívar promoveria a estreia de Lucas Batatinha, ex-Operário, que pode ser importante para o sistema ofensivo coral. Além de atuar como referência, o atacante já mostrou qualidade para atuar aberto na esquerda.

Caso busque mais mobilidade, o comandante tende a optar por um 4-2-3-1 vertical e com transições rápidas. Assim, Frank sairia do time, com Chiquinho mais por dentro, Vitinho aberto na esquerda e Rondinelly na direita, e dois volantes, possivelmente Everton Dias e Augusto César.

Santa mais “espaçado” entrelinhas (Feito no Tactical Pad)

“A gente vem acompanhando a euforia dos torcedores, dessa parte externa com essas novas contratações. Era importante, eu vinha conversando com a diretoria, com o Fabiano Melo (executivo). Precisávamos de um elenco recheado, com características diferentes. E hoje podemos encontrar dois jogadores com qualidade por posição”

Bolívar em entrevista coletiva

Seja no 4-3-3 ou 4-2-3-1, Bolívar deve explorar a amplitude que foi vista desde sua chegada ao Arruda. Contra o Retrô, quando o treinador acompanhou das arquibancadas e a equipe foi comandada por Roberto de Jesus, Chiquinho e Madson abriram pelas pontas. No fim, a Cobra teve resultado e conseguiu vencer por 3 x 2, na Arena de Pernambuco.

Posicionamento ofensivo diante da Fênix (Imagem: Sportv/Premiere)

Se quiser povoar mais o meio de campo, Bolívar tem a opção do 4-2-2-2, com Rondinelly e Chiquinho por dentro. No ataque, oito peças brigariam por duas posições: Pipico, Bustamante, França, Frank, Batatinha, Adriano Michal Jackson, Léo Gaúcho e Quiñonez.

Corais com dois meias construtores e dois finalizadores (Feito no Tactical Pad)

DEFENDENDO

Na defesa, Bolívar já mostrou que tem um leque de opções: o 4-4-2, o 4-1-4-1 e o 4-3-3 em blocos médios ou baixos. Caso opte pelo 4-4-2 (a maior possibilidade é que explore duas linhas de quatro), os dois meias ficariam no time, mas precisariam de mais mobilidade por dentro, enquanto os volantes priorizariam os laterais adversários.

Possível compactação defensiva (Feito no Tactical Pad)

Outra alternativa, também bem plausível, é formar um 4-1-4-1, mantendo o esqueleto tático e tentando diminuir os espaços entrelinhas com compactação. Foi o que aconteceu diante do Afogados, pelas quartas de final do Pernambucano, quando os corais venceram nos pênaltis e avançaram às semifinais.

Organização defensiva diante da Coruja (Imagem: Premiere)

Na Série C, sem Derley e Elicarlos, Bolívar deve utilizar Augusto César e Vitinho mais à frente, com Everton Dias na cabeça de área, um atacante de referência, além da primeira linha de quatro com os laterais recompondo. Ao menos diante dos amazonenses, mas é algo que pode se tornar frequente.

Um entrave para a escalação diante do Manaus é a questão da regularização. O lateral-esquerdo Julinho, o lateral-direito Weriton, o volante Vitinho, o meia Rondinelly e os atacantes Frank e Lucas Batatinha aguardam publicação dos seus nomes no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF para atuarem. A data limite é nesta sexta-feira (28).

Créditos da foto principal: Rafael Melo/Santa Cruz

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: