(D)esolador: análise Central 1×1 ABC

Por: Guilherme Batista

O Central até que tentou, mas voltou a cometer erros defensivos que definiram o rumo da partida. Na tarde deste domingo, (01), a Patativa recebeu o ABC no Lacerdão em partida válida pela 9ª rodada da Série D e não saiu do empate. Com o resultado, o Central cai pra lanterna do grupo com 7 pontos.

Com alguns desfalques, a começar pelo treinador, Nilson, que estava cumprindo suspensão, o Central foi a campo postado num 3-5-2, com as ausências do goleiro Andrade e do atacante Müller Fernandes, ambos com lesões no adutor da coxa. Em seus respectivos lugares, Igor Leonardo e Jonatan foram acionados. Sinho, por opção técnica, ficou no banco de reservas e Danielzinho começou de titular.

Postado no 3-5-2, o Central foi a campo com algumas mudanças. (Feito no Tactical Pad)

Com a bola rolando, o Central mostrou ímpeto e se lançou pra cima do ABC. Atacando num 3-4-3, a Patativa colocou a equipe potiguar contra as cordas, pressionando desde a saída de bola. O primeiro susto veio após Pedro Maycon cobrar falta a meia altura e o zagueiro Gustavo Henrique quase mandou a bola contra o próprio patrimônio. Não deu nem tempo da equipe potiguar se recuperar do susto que o Central voltou a assustar com Pedro Maycon, que saiu cara a cara com Wellington e finalizou pra fora.

Aos 9 minutos, a pressão da Patativa enfim surtiu efeito. Rogerinho fez boa jogada pela direita e cruzou rasteiro para Jardeu dominar dentro da área, driblar o zagueiro e fuzilar a meta potiguar, abrindo o placar pro Central. Com a vantagem no placar, os pernambucanos naturalmente tiraram o pé do acelerador, e o Mais Querido aproveitou. Claudinho encontrou Gustavo Henrique nas costas da zaga alvinegra e o camisa 9 fuzilou pro fundo da meta pernambucana.

O empate desestabilizou a equipe pernambucana, que começou a ceder espaços para o ABC crescer na partida. Na melhor das oportunidades, Vinicius Paulista aproveitou o cochilo e apareceu livre para cabecear por cima da meta pernambucana.

Subindo as linhas e pressionando o ABC desde a saída, o Central fez minutos iniciais promissores. (Imagem: ElevenSports)

No retorno dos vestiários, a partida perdeu em qualidade. Com erros de ambos os lados, a partida começou devagar e só voltou a esquentar aos 8 minutos, quando Jonatan acertou um petardo que obrigou o goleiro potiguar a fazer boa defesa. Após isso, no entanto, a temperatura do jogo seguiu a temperatura de Caruaru e esfriou.

Com os dois sistemas ofensivos pouco inspirados, a partida logo ficou feia e repleta de erros. Na reta final, o Central foi pra cima no abafa, buscando um heróico gol da vitória. Quipapá, de cabeça, foi quem chegou mais perto, mas Wellington defendeu sem grandes problemas. Ao apito final, frustração pro lado pernambucano, que chegou ao 7º jogo consecutivo sem vitórias.

Postado no 3-4-3 na fase ofensiva, faltou qualidade e inspiração no terço final do campo. (Imagem: ElevenSports)

Créditos da imagem principal: Reprodução/Central

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: