Rugindo e ressurgindo: análise Sport 1 x 0 Corinthians

Por: Mateus Schuler

Coração de Leão. Antes tido como morto, o Sport venceu o Corinthians por 1 x 0 neste sábado (9), na Arena de Pernambuco, rugindo mais alto e ressurgindo das cinzas na luta contra o rebaixamento na Série A com de três vitórias seguidas – vitória deixa o rubro-negro provisoriamente fora do Z-4. Confronto foi válido pela 25ª rodada.

Sem contar com as presenças de Hernanes e Everaldo, suspensos, o técnico Gustavo Florentín decidiu não inventar e manteve o 4-2-3-1 no time leonino. Assim, Everton Felipe e Luciano Juba foram acionados como titular, enquanto Marcão e Zé Welison formaram a cabeça de área, tendo Mikael mantido na referência.

Apoie o Pernambutático e receba conteúdos exclusivos na tela do seu celular. Seja membro Vip clicando aqui

COMO FOI

Apesar de ter a carga máxima da torcida no estádio, o Sport começou o jogo no seu próprio campo, tentando aproveitar os erros do Corinthians para criar as jogadas. Não por acaso, teve a primeira boa chance após Gustavo tabelar com Luciano Juba na intermediária e mandar direto pela linha de fundo, mas sem assustar.

Bastou finalizar que os torcedores do Leão passaram a incentivar mais, com o Timão ficando acuado. Postados no 4-2-3-1 ao atacar, os rubro-negros se mantiveram intensos e atacando em maior frequência: Mikael recebeu passe de Gustavo pela esquerda e chutou forte, porém Cássio tirou para escanteio; na cobrança, Sander bateu aberto e Sabino cabeceou, entretanto Thyere, em impedimento, interferiu no goleiro corintiano e a arbitragem impugnou.

Pernambucanos foram mais perigosos na etapa inicial (Imagem: TV Globo)

A equipe da Praça da Bandeira não abdicou de atacar e seguiu assustando a meta alvinegra. Gustavo deu bom drible em Fábio Santos pelo lado direito ofensivo e finalizou próximo à trave esquerda. Logo depois, Mikael arrematou cercado pela marcação e a bola saiu por cima da barra sem dar sustos aos paulistas.

Defensivamente, os leoninos mostraram uma postura muito sólida e fizeram os corintianos serem pouco criativos. Formando duas linhas de 4, alternaram constantemente entre 4-4-2 e 4-1-4-1, variando ainda no posicionamento de blocos, contudo o mais comum foi ficarem médios, segurando os ímpetos já no círculo central.

Marcação do Leão fechou muitos espaços aos visitantes (Imagem: TV Globo)

Para o segundo tempo, Gustavo Florentín optou por não realizar alterações e a proposta se manteve a mesma da primeira etapa. Ainda assim, o Timão se atirou mais ao ataque, já o Leão ficou marcando em blocos médio/baixos, na tentativa de contra-atacar e ser perigoso para finalizar, seguindo no 4-1-4-1 e segurando as ações do adversário.

Para mexer na dinâmica ofensiva, o comandante rubro-negro promoveu as entradas de Tréllez e Paulinho Moccelin nas vagas de Everton Felipe e Luciano Juba, respectivamente. Sem criatividade e com menor posse de bola, o time pernambucano não conseguiu levar o mesmo perigo da primeira etapa, já a equipe paulista chegava mais intensamente.

Do meio para o fim, os leoninos passaram a povoar mais o setor ofensivo e foram mais criativos. Em troca de passes envolvente, Marcão tabelou com Mikael, que fez bom pivô, e serviu Paulinho Moccelin pela esquerda; o camisa 94 bateu cruzado e tirou do alcance de Cássio, sem dar qualquer chance de intervenção.

Postura defensiva se manteve durante últimos 45 minutos de partida (Imagem: TV Globo)

Além de bem fechados no próprio campo, os donos da casa se seguraram e impediram as raras finalizações dos alvinegros. Em uma delas, depois de boa jogada pela esquerda, Gabriel Pereira arrematou firme no canto de longe, no entanto parou em defesa de Maílson, que assegurou a vitória do Sport pelo placar mínimo.

Créditos da foto principal: Anderson Stevens/Sport

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: