Matador de aluguel: o que esperar de Jorge Ortega no Náutico?

Por: Felipe Holanda

Municiado. Conhecido como “El Sicario” – Matador de aluguel em português –, Jorge Ortega chega ao Náutico para reforçar o arsenal alvirrubro e manter a tradição de jogadores paraguaios na Rosa e Silva. Revelado no Tacuray, de seu país natal, Ortega tem contrato (definitivo) até o final da Série B do Campeonato Brasileiro; seu último clube foi o Macará-EQU.

Nesta análise, o Pernambutático destrincha o que esperar do novo contratado alvirrubro, com principais características táticas, números na carreira, exemplos em vídeo, e como Ortega pode se encaixar no time de Hélio dos Anjos.

O QUE ESPERAR TATICAMENTE

Pontaria calibrada. Jorge Ortega é um centroavante destro – também pode atuar como ponta – que se destaca pelas boas movimentações e finalizações precisas de perna direita. Acumula números altos na carreira, principalmente no Olimpia, clube onde marcou 23 gols entre as temporadas 2018 e 2019.

Gols em finalizações pelo chão de Jorge Ortega

Além do bom desempenho com os pés, o paraguaio também mostrou calibre nos arremates de cabeça, seja esperando um passe longo ou flutuando entrelinhas para confundir as linhas de marcação adversárias num 4-2-4.

Movimentação do atacante antes de marcar (Imagem: Tigo Sports+)

No Náutico de Hélio dos Anjos, Ortega deve assumir a titularidade na referência, pelo menos neste início de temporada. Assim, formaria trio com os novatos Ewandro e Eduardo Teixeira, já que Kieza ainda se recupera de uma cirurgia no tendão de Aquiles. Álvaro, remanescente de 2021, também é opção para o setor.

Possível Timbu com o novo contratado (Feito no Tactical Pad)

Curtindo o conteúdo? Apoie o Pernambutático clicando aqui

Apesar do destaque no Decano, a temporada mais artilheira de Ortega foi no Sportivo Luqueño, em 2015, com 15 tentos assinalados em 45 partidas disputadas. Na equipe de Luque, atuava como um típico camisa 9, seja no 4-3-3 ou 4-4-2, chegando a marcar um lindo gol contra o Athletico na Copa Sul-Americana daquele ano.

Lance da pintura de Ortega ante o Furacão (Imagem: Fox Sports)

A outra faceta do atleta é o Ortega “garçom”. O atacante computa cinco passes para gols na carreira, sendo um no Huachipato-CHI, dois no Olimpia, um no Colón-ARG, e outro no Macará-EQU, seu último clube antes de desembarcar no Recife para sua segunda passagem pelo futebol brasileiro (veja abaixo currículo completo).

Assistências de Ortega

QUEM É JORGE ORTEGA

Aos 30 anos, Ortega tem o Timba como seu 11º clube na carreira, o segundo no Brasil. Revelado no Tacuary-PAR, em 2008, vestiu a camisa do Coritiba em 2016, além de acumular passagens anteriormente também por Rubio Ñú-PAR, Cerro Porteño, Junior-COL e Sportivo Luqueño.

Depois do Coxa, voltou ao Rubio, defendendo ainda as cores de Huachipato, Olimpia – onde viveu melhor momento em 2018 e 2019 – e Colón, em 2020. A última equipe que atuou foi o Maracá-EQU, na temporada passada, indo a campo por seis jogos e nenhum gol marcado.

No seu currículo, tem uma participação no Sul-Americano Sub-20 em 2011, disputando três partidas. Foi campeão paraguaio nas duas temporadas que atuou no Franjeado, tanto no Apertura como no Clausura, sendo seus únicos títulos conquistados.

Arte: MVN Designers

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: