Escapando pelos dedos: análise Novorizontino 2 x 1 Santa Cruz

Por: Felipe Holanda

Apagão coral. Após abrir o placar já no segundo tempo, o Santa Cruz sofreu a virada do Novorizontino, perdendo por 2 x 1, nesta quinta-feira (6), em Iacanga, e se complicando no Grupo 9 da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Eddy fez o único gol do Mais Querido, enquanto Diego Rodrigues e Benjamin descontaram.

Na escalação inicial, o Santa foi a campo com a base do time que havia vencido o União ABC na rodada de estreia, mantendo o 4-3-3 como esqueleto tático. A diferença é que, dessa vez, tentou concentrar a maioria de suas jogadas por dentro.

Como o Tricolor iniciou a partida (Feito no Tactical Pad)

COMO FOI

Pé no acelerador. O Santa Cruz tentou dar mais mobilidade nos primeiros minutos, tendo Jadson organizando o jogo de posse. Apesar do domínio, faltava um pouco mais capricho para chegar à zona de arremate e assustar o goleiro do Tigre do Vale.

Aos poucos, o Novorizontino ia equilibrando as ações da peleja, tentando cadenciar a bola e esperar o melhor momento para o passe. Neste cenário, o Mais Querido se fechava variando entre o 4-1-4-1 e o 4-5-1, conseguindo frear as investidas rivais.

Corais em compactação defensiva (Imagem: Eleven Sports)

A chance mais clara da primeira etapa veio logo depois. O Tigre teve chance perigosa em cobrança de falta, mas Rômulo não pegou bem na bola e parou na barreira. Do outro lado, os pernambucanos tentaram a resposta, mas ainda sem o calibre necessário nas finalizações.

Roteiro que mudou no segundo tempo, com a entrada de Eddy no ataque. Aos 27, ele recebeu bom passe em profundidade e finalizou com categoria para abrir a contagem: 1 x 0. Antes do gol, a estratégia coral era montar um 4-2-3-1 nas fases ofensivas; Marcelinho foi outro que saiu do banco de reservas no intervalo.

Postura antes do tento de Eddy (Imagem: Eleven Sports)

A alegria durou pouco. Cinco minutos mais tarde, Diego Rodrigues venceu Thiago para deixar tudo igual. Ainda houve tempo para a virada: David Benjamim converteu pênalti e deu números finais ao placar. Pior para a Cobra.

A vitória deixou o Novorizontino a um empate da classificação e da melhor campanha do Grupo 9 da Copinha. O Santa Cruz precisa da vitória e ainda contar com o saldo de gols caso o Tigrão do Vale seja derrotado na última rodada da chave.

Créditos da foto principal: Ozair Júnior/Novorizontino

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: