Sob a batuta de Walt3r: análise Sete de Setembro 1 x 3 Santa Cruz

Por: Ivan Mota

Autor de dois gols, Walter foi o principal destaque do Santa Cruz na vitória sobre o Sete de Setembro por 3 x 1 neste sábado (12) no Vianão, em Afogados da Ingazeira, na partida adiantada da oitava rodada do Campeonato Pernambucano Betsson 2022. Matheuzinho, no segundo tempo, completou o placar.

Depois de somar o primeiro resultado negativo da temporada, Leston Júnior optou por uma mudança importante. Kléver ganhou a vaga de goleiro titular, deixando Jefferson no banco de reservas, enquanto Elyeser ganhou o lugar de Gilberto, que cumpriu suspensão. O time continuou no tradicional 4-2-3-1, com grande variação de posição entre os três meias mais avançados.

Escalação inicial da equipe coral para o duelo no Vianão (Feito no Tactical Pad)

COMO FOI

Movimentado. O jogo começou com amplo domínio tricolor que, além de ter mais posse, também chegava por mais vezes ao ataque. E o primeiro gol não demorou. Artilheiro e capitão, Walter recebeu um bom passe de Matheus Lira, se livrou bem da marcação e bateu cruzado, sem dar chances para o goleiro Neneka.

A partida que parecia controlada pelos visitantes, porém, tomou novo rumo. Um pênalti a favor do Sete de Setembro foi marcado após Rodrigo Yuri tocar com a mão na bola: Anderson São João cobrou seguro e empatou. Apesar de 72% de posse coral, o time alviverde até conseguiu chegar algumas vezes perigosamente, forçando a Cobra a se fechar no 4-2-3-1.

Tricolor se defende com um 4-2-3-1 (Imagem: Premiere)

O camisa 18 estava em tarde inspirada: dessa vez, Walter mostrou qualidade na bola parada. Em cobrança perfeita de falta, o atacante mandou a bola no ângulo e colocou novamente o time à frente do placar. Seguindo no ataque, o Santa Cruz avançou em um 4-1-3-2, tentando ampliar o resultado, contudo a primeira etapa terminou com vantagem mínima.

O segundo tempo começou equilibrado, com o Lobo-Guará conseguindo ter mais a bola e criando chances. O empate quase veio aos dez minutos, após cobrança de falta de Nego de Brejão que ainda bateu no travessão de Kléver. Foi o Tricolor, porém, que chegou ao gol. Matheuzinho recebeu um excelente lançamento de Esquerdinha, ficou de frente para o goleiro e bateu tirando do goleiro setembrino.

Santa avança para o ataque com Esquerdinha e Walter no ataque (Imagem: Premiere)

Depois de muitas mudanças dos dois lados, o jogo caiu muito de ritmo, com poucas chances reais de perigo. O Santa voltou a ter o controle da partida e trocou passes mais tranquilo, se postando no 4-3-3 quando saiu ao ataque e tendo Walter no comando do setor ofensivo, sendo acompanhado por João Cardoso e Matheuzinho.

A partida seguiu a mesma toada até o final. Rafael Furtado, que entrou na vaga de Walter, e o zagueiro Alex Alves, tiveram boas chances de ampliar ainda mais a vantagem, mas desperdiçaram-nas, mantendo o 3 x 1 até o fim do duelo. O Santa Cruz agora terá uma semana de descanso, até voltar aos gramados para enfrentar o Sport, no seu primeiro clássico da temporada.

Com tranquilidade, Santa Cruz avança no 4-3-3 (Imagem: Premiere)

Créditos da foto principal: Rafael Melo/Santa Cruz

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: