Santa Cruz na Série D: como joga taticamente o Atlético-BA

Por: Ivan Mota

Cobra Coral versus Carcará. Rastejando na tabela, o Santa Cruz recebe o Atlético-BA para destilar seu veneno e conquistar a primeira vitória na Série D do Campeonato Brasileiro. Confronto nordestino acontecerá neste domingo (8) às 16h, no Arruda, e é válido pela quarta rodada do Grupo A4.

Separamos tudo sobre o próximo adversário tricolor: principais posicionamentos táticos, estilo de jogo, números, jogadores para ficar de olho e muito mais dos atleticanos.

O TIME

Sem nenhum desfalque por lesão ou suspensão, a equipe baiana tem força máxima à disposição para enfrentar o Mais Querido. Após a semana cheia, o técnico Zé Carijé indica a manutenção da base titular da derrota sofrida ante a Jacuipense; única dúvida é entre Christian e Reninha, por opção, no 4-3-3 do time de Alagoinhas.

Provável escalação do adversário coral (Feito no Tactical Pad)

COMO ATACA

Bicampeão do Campeonato Baiano e com grande campanha, o Atlético de Alagoinhas perdeu alguns jogadores importantes depois do Estadual, como o artilheiro Miller, contratado pelo Vitória. Tentando se reformular, o time não vive bom momento ofensivo, tendo apenas um gol marcado até o momento na Série D. Partindo para o ataque, o Carcará utiliza uma saída 4+1; o volante Lucas se aproxima da linha defensiva e sustenta a transição.

Demais meio-campistas e peças de ataque ficam mais à frente (Imagem: InStat TV)

Já no campo ofensivo, a equipe pode se postar num 4-3-3 com apoio de um dos laterais. Nesse caso, Matheus sobe se aproximando dos meio-campistas, formando quase um 3-4-3. Hadrian é o meia de ligação, porém o experiente Leandro Sobral e o volante Lucas também participam da criação de jogadas do Carcará.

Curtindo o conteúdo? Apoie o Pernambutático clicando aqui

Baianos tentam aproximação dos blocos ofensivos para trabalhar posse (Imagem: InStat TV)

COMO DEFENDE

Com uma média de um gol sofrido por partida durante esse início de Série D, o Atlético costuma se defender também em um 4-3-3. Em certos momentos, todos os jogadores de linha, até mesmo os atacantes, ajudam na marcação, deixando as linhas muito próximas, tentando dar o máximo de compactação sem a bola.

Sistema defensivo atleticano em transição (Imagem: InStat TV)

Outra possibilidade é se postar em um 4-1-4-1, que varia também ao 4-2-3-1. Leandro Sobral joga mais recuado, praticamente entre as duas linhas, com a presença de Lucas ao seu lado em alguns momentos. Além disso, os pontas também retornam para a recomposição, deixando somente o centroavante sem funções defensivas.

Carcará povoa meio como opção para neutralizar criação (Imagem: InStat TV)

PARA FICAR DE OLHO

Edson (LD) – Polivalente. O experiente lateral-direito Edson chegou ao clube no começo de 2020, participando dos dois títulos estaduais e tem um papel importante defensivo e ofensivo. Podendo atuar nas duas alas, além de jogar um pouco mais avançado em alguns momentos, o atleta de 33 anos é um dos pilares do Atlético.

Leandro Sobral (VOL) – Principal jogador. Após a saída de importantes peças, o volante se firmou como o grande nome da equipe. O jogador tem bastante experiência na competição, sempre rodando por clubes que participaram da Série D. Além de importante na transição ofensiva, tem forte marcação, com combates precisos.

Reninha (ATA) – Filho do ex-jogador Renna, ex-Náutico, o atacante passou a ter mais espaço com a camisa do Carcará nesta temporada justamente na Série D. Mostrando muita movimentação, atua tanto pelas beiradas, como na referência, sendo fundamental à troca de passes dando também velocidade ao setor ofensivo atleticano.

Créditos da foto principal: Divulgação/Atlético-BA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: