Livre para voar: análise Retrô 3 x 0 Icasa

Por: Ivan Mota

Isolado. O Retrô se mantém firme no topo do Grupo A3 da Série D do Campeonato Brasileiro após vencer o Icasa por 3 x 0, neste sábado (21). Mascote, duas vezes, e Pedro Costa marcaram os gols para a Fênix, na Arena de Pernambuco, em duelo válido pela sexta rodada.

Em relação ao confronto com o Afogados, no último final de semana, técnico Dico Wooley promoveu duas mexidas; o volante e capitão Charles retornou à equipe após cumprir suspensão. Além dele, João Marcos ganhou o lugar de Ruan na ponta direita, enquanto o 4-2-3-1 que vem sendo utilizado ao longo da competição também foi mantido.

Escalação inicial do Retrô para mais um compromisso (Feito no Tactical Pad)

COMO FOI

Domínio desde o começo. Os pernambucanos iniciaram a partida com mais posse de bola, buscando controlar o jogo e criar oportunidades para abrir o placar. Pedro Costa foi um dos destaques da primeira etapa, sempre indo ao ataque pela direito para poder finalizar ou servir os companheiros em melhor condição.

Com a bola, a Fênix adiantou suas linhas e dava liberdade para avanço dos laterais, muitas vezes tendo somente um de seus zagueiros atrás do círculo central. Nesses momentos, se postou no 4-2-3-1 inicial, deixando Mascote de homem mais avançado, mas jogando próximo dos pontas e de Radsley, que criou por dentro.

Retrô parte para cima no 4-2-3-1 (Imagem: InStat TV)

O restante da primeira etapa continuou no mesmo ritmo. Os donos da casa tiveram mais posse, levaram mais perigo, porém pararam na marcação dos cearenses. A grande chance até o momento foi do Icasa, quando Mandacaru mandou um forte chute no travessão e ainda desviou em Jean antes de sair pela linha de fundo. Os azulinos acabaram recompensados nos acréscimos. Mayk acertou cruzamento na medida para o artilheiro Mascote completar de cabeça e abrir o placar pouco antes do fim da primeira metade.

Curtindo o conteúdo? Apoie o Pernambutático clicando aqui

O segundo tempo começou com os visitantes até ensaiando uma pressão e chegando com perigo por pelo menos três ocasiões, mas o Retrô se armou no 4-3-3 quando recuperava para partir em contra-ataque. E foi justamente assim que ampliou o placar. João Marcos avançou em velocidade pelo lado direito, se livrou da marcação e tocou para Mascote anotar seu sexto gol na Série D.

Fênix se defendeu postada em um 4-1-4-1 (Imagem: InStat TV)

Com a vantagem maior em favor dos retroenses, o ritmo da partida diminuiu, gerando menos chances para as duas equipes e o controle da bola voltou à de Camaragibe; quando não teve a posse, se fechou bem no 4-1-4-1. Charles jogou mais recuado, já os pontas João Marcos e Gustavo Ermel se postaram ao lado de Gelson e Radsley. Mascote também ajudou na marcação quando preciso.

Ainda deu tempo para novo tento azulino; aos 45 minutos, novo contragolpe. Pedro Costa recuperou a bola após cobrança de falta do Icasa, tabelou com Diego Cardoso e recebeu na entrada da área, finalizando na saída do goleiro Tanaka, sacramentando mais uma vitória do Retrô e dando números finais à partida.

Pernambucanos avançaram em transição no 4-3-3 (Imagem: InStat TV)

Créditos da foto principal: Marcelo Trajano/Retrô FC Brasil

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: