Saldo positivo: análise Fluminense 0 x 0 Sport

Por: Ivan Mota

No lucro. Fora de casa, o Sport deu um passo importante para seguir vivo por classificação ao mata-mata do Brasileiro de Aspirantes com empate sem gols diante do Fluminense. Leão neutralizou líder do Grupo C em partida válida pela terceira rodada do Grupo C, disputada nesta quinta-feira (14), nas Laranjeiras.

Novidades. Mesmo embalado pela primeira vitória, o técnico Sued Lima realizou mudanças na equipe titular. Foram quatro: Denival ganhou a vaga de Saulo no gol, Ajul reassumiu a lateral direita no lugar de Ferrugem, Ronald foi acionado no meio-campo e Flávio substituiu Matheusinho na extrema esquerda.

Onze inicial do Sport para o duelo nas Laranjeiras (Feito no Tactical Pad)

COMO FOI

Bom começo do Sport. Fazendo marcação alta e avançando em alguns momentos com todos os jogadores no campo de ataque, os garotos do Leão conseguiram criar as melhores chances do primeiro tempo. Adryan quase abriu o placar após avançar bem pelo lado esquerdo do ataque, se livrar da marcação e finalizar para boa defesa do goleiro Pedro Rangel.

Partindo para cima, os rubro-negros se postaram em um 4-3-3 com os dois volantes, Lucas André e Ronald, participando da criação das jogadas ao lado de Juan Xavier. Já os três homens mais avançados variaram bastante de função. Adryan e Flávio se revezaram entre a ponta esquerda e o centro do ataque.

Sport avança no 4-3-3 querendo o gol (Imagem: Flu TV)

Adryan teve outra boa chegada. O camisa 9 bateu na saída do goleiro, mas o zagueiro Cipriano conseguiu salvar o Fluminense em cima da linha. Com o tempo, os cariocas começaram a ter maior posse de bola, porém pararam na boa marcação leonina, que se postou em duas linhas de 4, tendo Juan Xavier e Cristiano voltando para fechar a segunda linha.

Curtindo o conteúdo? Apoie nosso projeto clicando aqui ou via pix. Chave: pernambutatico@gmail.com

O Tricolor, que poucas vezes venceu a defesa leonina, pecou principalmente no último passe. Nas muitas vezes que chegou à grande área, não levou perigo real ao goleiro Denival, mantendo assim o zero no placar até o fim da primeira etapa.

Leão se defende com duas linhas de quatro no primeiro tempo (Imagem: Flu TV)

O segundo tempo foi bastante movimentado, com os dois times criando muitas chances. A melhor do Sport aconteceu logo nos primeiros minutos após o intervalo, quando Flávio fez grande jogada, se livrou da marcação e mandou na trave. A bola sobrou para Adryan, que teve calma para cortar a marcação e, apesar do goleiro fora da barra, mandou por cima.

Nos minutos finais só deu Fluminense. Os donos da casa chegaram algumas vezes com perigo e, para se defender, os recifenses se fecharam num 4-2-3-1 tendo as linhas muito próximas para dar compactação; todos os jogadores ficaram no campo de defesa. Mesmo na pressão, os cariocas não conseguiram finalizar mostrando precisão, mantendo a igualdade até o apito final.

Pernambucanos se fecham nos minutos finais para segurar pressão do Fluminense (Imagem: Flu TV)

Créditos da foto principal: Mailson Santana/Fluminense FC

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: