Fazendo história: análise Afogados 7 x 0 São Paulo Crystal

Por: Ivan Mota

Sete vezes Coruja. Em atuação impecável, o Afogados atropelou o São Paulo Crystal e avançou ao mata-mata da Série D do Campeonato Brasileiro. Neste sábado (16), a Coruja goleou o Carcará por 7 x 0, no Vianão, e enfrenta agora o ASA; com dois gols de Anderson Chaves e Marquinho, e um de Felipe Eduardo, Nunes e Pedro, que marcou contra.

Para o duelo decisivo, Ito Roque repetiu a escalação que venceu o Icasa, fora de casa, na última rodada por 5 x 2, dando manutenção ao tradicional 4-2-3-1 do Tricolor do Pajeú. Assim, Renezinho continuou como meia de armação e atuando ao lado dos extremos Nunes e Matheusinho, bem como o artilheiro Anderson Chaves no comando de ataque.

Formação inicial dos sertanejos foi mantida pela segunda vez seguida (Feito no Tactical Pad)

COMO FOI

Começo alucinante. A primeira boa chegada foi dos visitantes, quando Isaías apareceu de frente ao goleiro Léo após receber bom passe, mas estava em posição irregular. Aos três minutos, porém, o artilheiro Anderson Chaves deu início aos trabalhos. Toninho Paraíba fez o cruzamento e o camisa 9 deu leve toque de cabeça que Rafael William quase defendeu; a bola passou sobre a linha e o gol foi confirmado.

Sabendo que só a vitória interessava, os pernambucanos continuaram indo para cima, seguindo postados no 4-2-3-1 inicial e explorando a velocidade pelos lados, principalmente com Matheusinho. O segundo gol quase saiu em uma jogada do camisa 11, que avançou bem, se livrou da marcação e cruzou na medida para Anderson Chaves; cabeceio foi em cima do goleiro.

Coruja atacou postada na própria tática-base (Imagem: InStat TV)

O segundo gol tricolor saiu ainda com 20 minutos. Matheusinho avançou em liberdade pela esquerda e tentou o passe para Anderson Chaves, contudo o zagueiro Pedro, do São Paulo Crystal, tentou tirar e mandou contra o próprio patrimônio, aumentando a vantagem e evitando assim possíveis sustos dos paraibanos.

Nos minutos finais da primeira etapa, o Carcará chegou duas vezes levando perigo em contra-ataques, entretanto o goleiro Léo fez boas defesas. Sem a bola, a Coruja se postou no 4-3-3, com Matheusinho ajudando na marcação aos lados dos volantes, mantendo o placar inalterado até o final da primeira etapa.

Compactação defensiva dos sertanejos nos 45 minutos iniciais (Imagem: InStat TV)

E os gols voltaram a surgir logo no começo da segunda etapa. Nunes tentou duas vezes ao receber cruzamento de Mattheus, parando em Rafael Willian na primeira e completando no rebote. Pouco depois, Anderson Chaves fez o segundo dele. E foi um golaço do artilheiro, que recebeu grande lançamento de Airton Júnior e encobriu o goleiro com categoria.

Querendo ainda mais, o Afogados avançou num 4-3-3 depois da saída do trio de ataque para entradas de Breninho, Marquinho e Felipe. Não demorou para os substitutos deixarem suas marcas. Numa sequência incrível de três gols em três minutos, os pernambucanos deram números finais à goleada histórica. Renezinho sofreu pênalti após ser derrubado por Daniel, com Felipe anotando o quinto. Marquinho fez o sexto depois de um desarme no campo ofensivo, tendo o trabalho apenas de empurrar ao fundo das redes. Logo na sequência, o camisa 22 marcou novamente emendando uma bomba sem dar chances para o goleiro adversário.

Afogadenses ficaram mais intensos na reta final do duelo (Imagem: InStat TV)

Apesar do placar elástico, a comemoração oficial só veio quando chegou a notícia do empate do Globo com o Icasa. Placar fez os pernambucanos irem à 4ª posição da chave e garantirem, assim, sua tão sonhada vaga no mata-mata da Série D, mantendo vivo o sonho pelo acesso.

Créditos da foto principal: Cláudio Gomes/Afogados FC

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: