Sport na Série B: como joga taticamente o Sampaio Corrêa

Por: Mateus Schuler

Água turva. Oscilante, o Sport busca navegar em mares mais tranquilos na Série B do Campeonato Brasileiro e impedir ataque do Tubarão. Em confronto marcado para esta sexta-feira (22), o Leão abre o returno e a 20ª rodada da Segundona contra o Sampaio Corrêa em São Luís, no Maranhão, às 21h30.

Separamos tudo sobre o adversário rubro-negro: principais posicionamentos táticos, estilo de jogo, números, informações exclusivas de um setorista, jogadores para ficar de olho, e muito mais da Bolívia Querida.

O TIME

O Paio enfrentará os leoninos com quatro retornos à titularidade. O zagueiro Nilson Júnior e o meio-campista Rafael Vila, antes suspensos, voltam a ficar disponíveis, o mesmo caso do lateral-direito Mateusinho e do extremo direito Pimentinha, poupados por desgaste. Desse modo, os 11 iniciais deverão ser os mesmos da vitória sobre o Vasco, à exceção de Gabriel Furtado, tendo Joécio no lugar.

Maranhenses tem praticamente força máxima na formação inicial (Feito no Tactical Pad)

COMO ATACA

Meio termo. À medida que possui o segundo ataque mais positivo da Série B, com 21 gols, o Sampaio Corrêa é o sétimo time nas finalizações, totalizando 249. Muito da produtividade dos maranhenses, inclusive, vem nos jogos que fazem como mandante, já que balançaram as redes por 18 oportunidades, o que resulta ainda na segunda melhor campanha diante da torcida.

Meio-campistas podem revezar posicionamento com um dos pontas (Imagem: Premiere)

Geralmente atuando num 4-2-3-1 de base, o Tubarão tem muitas variações, o que costuma confundir o adversário. Ao ter a posse, o mais comum é ficar no 4-3-3 quando faz a transição ofensiva pelo meio, explorando bastante a amplitude dos extremos. Outra alternativa, quando quer demonstrar maior volume, é a formação de um 4-2-4, com o meia armador atuando próximo à trinca de ataque e os volantes responsáveis pela ligação.

Curtindo o conteúdo? Apoie nosso projeto clicando aqui ou via pix. Chave: pernambutatico@gmail.com

Construção da Bolívia Querida é sempre muito intensa (Imagem: Premiere)

“O Sampaio é moldado para poder jogar usando a velocidade, principalmente pelo lado direito com Mateusinho e Pimentinha nas investidas. O time faz ainda uma triângulação utilizando o meia armador, sendo bastante vertical e valorizando pouco a posse de bola”

Weslley Maranhão, repórter na Rádio Timbira

COMO DEFENDE

Se o ataque é altamente produtivo, a defesa tem deixado e muito a desejar. Foram 20 gols sofridos até o momento, média superior a um por partida, bem como tem 82 chutes certos — 34,2% — contra sua meta, sendo a nona equipe no critério. É o quarto sistema defensivo mais vazado da competição ao lado de Vila Nova e Ituano.

Compactação defensiva em duas linhas de 4 atuando como mandante (Imagem: Premiere)

“A força defensiva é na cabeça de área, com os dois volantes se destacando pela forte pegada. O meio-campo fecha bem os espaços para dar o primeiro combate e neutralizar muitas das jogadas que o adversário cria ainda no nascedouro, tendo auxílio das peças ofensivas”

Weslley Maranhão, repórter na Rádio Timbira

Ao ficar sem a bola, o Tubarão também apresenta mais de uma alternância, mesmo demonstrando tantas fragilidades. Quando joga diante da torcida, os tricolores apostam bastante na formação de duas linhas de 4, com o 4-4-2 sendo a principal postura. A opção é preencher o meio e ficar desenhado no 4-5-1, deixando o centroavante responsável por fazer o primeiro combate, já os extremos se juntam aos meio-campistas.

Paio tenta fechar as opções de passe ao adversário (Imagem: Premiere)

PARA FICAR DE OLHO

Mateusinho (LD) – Lá e cá. O lateral-direito do Sampaio é quem tem sido um dos que mais contribui diretamente para a equipe, seja em fase ofensiva ou defensiva. Quando está na defesa, é o vice-líder do time em desarmes e líder em interceptações, enquanto é quem mais deu assistências — três no total — a seus companheiros, sendo importante também ao atacar.

André Luiz (VOL) – Pegador. Com 37 desarmes e 23 interceptações, figura na lista de destaques do Paio pelo forte de marcação, tendo papel importante na cabeça de área. Além disso, também pode ajudar nas jogadas ofensivas, pois já deu dois passes para gol e balançou as redes por outras duas vezes, sempre surgindo de elemento surpresa.

Poveda (ATA) – Faro apurado. Um dos artilheiros da Segundona com nove gols, Poveda é também o goleador dos maranhenses na atual temporada, já que fez 15 tentos. A marca no certame é dividida junto a Diego Souza e Lucca, em contrapartida possui o pior aproveitamento dos três, tendo 41 finalizações e aproximadamente 22% de acerto.

Créditos da foto principal: Ronald Felipe/Sampaio Corrêa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: