Saldo negativo: análise 3B-AM 2 x 0 Sport

Por: Mateus Schuler

Devendo. Na primeira atuação abaixo das expectativas na Série A-3 do Brasileirão Feminino, o Sport sofreu sua primeira derrota neste sábado (6). Na partida de ida da semifinal, disputada no Ismael Benigno, em Manaus, as Leoas perderam por 2 x 0 para o 3B-AM com gols de Lari Rocha; volta será no próximo domingo (14), às 15h, na Ilha do Retiro.

Sem surpresas. Mesmo já garantidas na Série A-2 da próxima temporada, ao conquistar o acesso frente ao VF4-PB, as rubro-negras entraram em campo repetindo a escalação inicial. A treinadora Regiane Santos optou por manter o mesmo time do último jogo, sem alterar uma peça sequer no 4-2-3-1 frente às amazonenses.

Pernambucanas tiveram time-base (Feito no Tactical Pad)

COMO FOI

O início foi bastante equilibrado, mas com o 3B demonstrando maior vontade para ir ao ataque, tentando largar em vantagem. Apesar de resistir à pressão proposta pelo adversário, o Sport pouco foi criativo e, desse modo, realizou a primeira mexida ainda na etapa inicial; Géssica, mal inclusive na marcação, saiu para a entrada de Gabi Borges.

Por não conseguir chegar ao setor ofensivo, as Leoas optaram por ficar mais no seu próprio campo, buscando ter o contra-ataque como arma. Reativas, formaram um 4-4-2 de blocos médio-altos para neutralizar as investidas do time amazonense, mas a bola parada foi quem castigou. Após escanteio no meio da área, a defesa não afastou e Lari Rocha chegou para completar.

Marcação mais adiantada segurou criação das Tigresas (Imagem: Eleven Sports)

A desvantagem antes do intervalo provocou mais duas mudanças na volta à etapa final, com uma surpreendente. Gabi Borges, que entrou ainda durante o primeiro tempo, se juntou a Ísis nas alterações; Vanessinha e Amanda Leite entraram nas vagas, buscando ter maior qualidade no passe pelo meio e na criação.

Curtindo o conteúdo? Apoie nosso projeto clicando aqui ou via pix. Chave: pernambutatico@gmail.com

Assim, as pernambucanas passaram a chegar ao último terço com volume e intensidade, porém falhando ao criar seus lances. Em uma das jogadas que deu certo, Amanda Leite lançou em profundidade na direita para Vanessinha avançar com velocidade, deixar a marcação para trás e finalizar colocado; o chute foi direto para fora.

Postura ofensiva teve manutenção da tática-base (Imagem: Eleven Sports)

Foi a única tentativa das leoninas em toda a partida, que pouco atacaram e assustaram as mandantes. A comandante ainda optou por colocar Íris e tirar Pintinho, entretanto o volume ofensivo seguiu abaixo dos demais confrontos realizados ao longo da competição e o placar pareceu estar definido na reta final.

Falsa impressão. Karol, com pouco tempo no jogo, foi servida pela esquerda e encheu o pé da entrada da pequena área, acertando o travessão de Gabi. A sobra ficou para Lari Rocha, que cabeceou firme e a goleira leonina tentou a intervenção; desvio foi insuficiente e a bola morreu no fundo do gol, dando números finais.

Compactação defensiva das Leoas na segunda etapa (Imagem: Eleven Sports)

Créditos da foto principal: João Normando/FAF-AM

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: