Náutico na Série B: como joga taticamente o CRB

Por: Gabryele Martins e Ivan Mota

Iguais só nas cores. Em duelo alvirrubro de opostos, o Náutico recebe o CRB para se recuperar na Série B do Campeonato Brasileiro podendo deixar a lanterna. Partida do Timbu frente ao Galo da Pajuçara será nesta quarta-feira (10), nos Aflitos, às 19h pela 23ª rodada.

Separamos tudo sobre o adversário alvirrubro: principais posicionamentos táticos, estilo de jogo, números, informações exclusivas de setoristas, jogadores para ficar de olho, e muito mais dos regatianos.

O TIME

Daniel Paulista deve manter o mesmo time que empatou diante da Ponte Preta na última rodada, já que alguns titulares do setor defensivo seguem como dúvidas para o duelo após passarem pelo departamento médico. Isso faz Iago Mendonça e Wellington Carvalho permanecerem na dupla de zaga, além da presença do trio de ataque formado por Paulinho Moccelin, Anselmo Ramon e Emerson.

Provável escalação inicial dos alagoanos frente ao Timba (Feito no Tactical Pad)

COMO ATACA

Atual 16º colocado, com 29 pontos, o CRB precisa reencontrar o caminho das vitórias para seguir sonhando pelo acesso. Foram 20 gols nos 22 confrontos que disputou, tendo em Anselmo Ramon a sua principal arma. O camisa 9 do Galo participou diretamente de metade dos tentos anotados, marcando seis e dando quatro assistências.

Saída de bola dos alagoanos em 4+2 (Imagem: Premiere)

Curtindo o conteúdo? Apoie nosso projeto clicando aqui ou via pix. Chave: pernambutatico@gmail.com

Iniciando suas jogadas, os regatianos costumam utilizar uma saída 4+2, com a dupla de volantes se aproximando da primeira linha. Ainda na defesa, mas saindo ao contra-ataque, os alagoanos podem se postar no 4-3-3 de base, tendo Rafael Longuine comandando o meio e, em alguns momentos, auxílio de um dos volantes na transição. Jogadas sempre buscam velocidade pelos lados ou um passe direto para Anselmo Ramon na referência.

Transição ofensiva visa valorização da bola (Imagem: SporTV/Premiere)

“Daniel Paulista tem boas opções para dar variações ao time, tanto na formação inicial como durante a partida. O quarteto ofensivo formado por Rafael Longuine como armador, além de Negueba, Anselmo Ramon e Paulinho Moccelin no trio ofensivo, carrega velocidade e possibilidade das jogadas pelas pontas ou pelo corredor central”

Taynã Melo, editor da VAVEL Brasil

COMO DEFENDE

Dono da segunda pior defesa da Série B, com 28 gols sofridos em 22 rodadas, os regatianos têm no setor sua maior pedra no sapato na campanha, sendo vazados 11 vezes nos últimos sete jogos e conseguindo apenas uma vitória no período. Sem a bola, costuma se fechar num 4-1-4-1, deixando os pontas em função recuada para diminuir os espaços.

Alvirrubro alagoano se fechando em blocos médio/baixos (Imagem: SporTV/Premiere)

Outra opção para as ações defensivas, para bloquear mais os espaços, é se postar num 4-5-1, deixando Anselmo Ramon no campo de ataque, enquanto os pontas e o meia de ligação formam a segunda linha ao lado dos volantes. Estes, no entanto, se aproximando dos defensores, que atuam avançados em algumas oportunidades.

Defesa regatiana postada mais adiantada (Imagem: Premiere)

“Lateral-esquerdo Guilherme Romão e zagueiros Gum, Gilvan e Diego Ivo frequentaram o departamento médico ao longo das últimas rodadas e desfalcaram o Galo. Mesmo Daniel Paulista colocando Iago Mendonça e Wellington Carvalho na dupla de zaga e mantendo o desenho, o entrosamento não é o mesmo. A dupla de volantes formada por Claudinei e Yago até ajuda a recompor”

Taynã Melo, editor da VAVEL Brasil

PARA FICAR DE OLHO

Diogo Silva (GOL)- Paredão. Com 65 defesas em 22 jogos, sendo 11 destas difíceis, o arqueiro de 36 anos é líder ainda entre os goleiros no quesito bolas defendidas e chegou a passar cinco rodadas sem ser vazado. Diogo é peça-chave na defesa do Galo que, mesmo sendo muito vazada, conta com boas atuações do camisa 1.

Yago (VOL) – Desarme. O volante alvirrubro de 27 anos é o principal ladrão de bola do CRB nesta Segundona, com 12 desarmes bem sucedidos. Versátil, também pode atuar pelo meio fazendo a transição ofensiva. Seu bom passe já garantiu duas assistências a favor dos regatianos na competição, sendo o responsável por carregar a bola da defesa ao ataque.

Anselmo Ramon (CA) – Goleador. Com seis gols, o atacante de 34 anos é o artilheiro do Galo da Praia nesta temporada. Atuante em 19 jogos nesta Série B, o centroavante é o jogador que mais vezes finalizou no torneio e também tem uma bola longa efetiva, dando três assistências e pode complicar a vida do Náutico indo das pontas para o meio, onde se movimenta bem.

Créditos da foto principal: Francisco Cedrim/CRB

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: