Chave de ouro: análise Sport 3 x 0 Botafogo

Por: Ivan Mota

Com classe. Dependendo de simples vitória, o Sport garantiu vaga nas quartas de final do Brasileiro de Aspirantes batendo o Botafogo por 3 x 0 na Ilha do Retiro. Em jogo que encerrou o Grupo C, nesta quinta-feira (11), o Leão derrotou o Fogão sem muitos sustos; gols de Deyvson, Victor Gabriel e Adryan.

O técnico Sued Lima realizou algumas mexidas no time para o duelo decisivo. Marcelo Ajul, que vinha atuando como lateral-direito, foi escalado na zaga e, com isso, Deyvson ganhou lugar no time titular. A outra novidade foi o retorno de Juan Xavier à titularidade no meio-campo, colocando Adryan no banco de reservas.

Formação inicial dos leoninos frente aos botafoguenses (Feito no Tactical Pad)

COMO FOI

Grande primeiro tempo do Leão da Ilha. Apesar do início equilibrado, com o Botafogo chegando algumas vezes na grande área, o Sport não demorou e abriu o placar. Logo aos sete minutos, Deyvson acertou um lindo chute após receber passe de Cristiano e venceu o goleiro. A jogada começou depois de uma roubada de bola de Juan Xavier, fazendo o time sair em contra-ataque e postado no 4-3-3.

Mantendo o ritmo, por muito pouco não ampliou a vantagem logo depois. Paulinho teve a chance ao receber grande passe de Lucas André, quebrando as linhas do Botafogo e deixando o camisa 11 livre. O goleiro Leandro saiu do gol e fez excelente defesa. Nos minutos seguintes, os rubro-negros seguiram tendo amplo domínio de jogo, com boas chegadas e marcando pressão na saída dos cariocas.

Leão avançou com duas trincas antes de sair à frente (Imagem: TV Sport)

E aos 35 minutos o placar foi ampliado. Dessa vez com o outro lateral. Victor Gabriel surgiu como elemento surpresa pelo lado esquerdo do setor ofensivo e recebeu bom passe de Paulinho. O camisa 6 mostrou calma para deslocar o arqueiro botafoguense e mandar para o fundo das redes, dando cada vez mais segurança.

Com a partida muito tranquila e controlada pelos donos da casa, o Fogão se mostrou pouco criativo e não chegou perigosamente à meta de Denival. Sem a posse, os garotos leoninos se postaram muitas vezes no mesmo 4-3-3 que usaram para atacar, tendo Paulinho e Juan Xavier alternando suas posições e ajudando os volantes na marcação, mantendo boa vantagem até o fim da primeira etapa.

Manutenção do sistema tático também em fase defensiva (Imagem: TV Sport)

O Sport voltou para o segundo tempo no mesmo ritmo ofensivo, conseguindo muitas chances para chegar ao terceiro gol. A principal delas ocorreu depois de linda jogada de Cristiano, que se livrou bem dos marcadores e levantou a bola na medida para Juan Xavier mandar de primeira, mas o goleiro Leandro fez um milagre para impedir. Quem também por pouco não deixou o dele foi Paulinho, acertando a trave após cobrança de falta.

Muito à vontade no campo ofensivo, o Leão chegou em alguns momentos a formar um 2-4-4, com Lucas André tendo liberdade para chegar ao campo de ataque. E o terceiro gol saiu no último lance da partida, quando Cristiano mandou um lindo passe para Ronald, que só teve o trabalho de rolar para Adryan completar e fechar o placar.

Com liberdade, Rubro-negros parte para cima no 2-4-4 (Imagem: TV Sport)

Créditos da foto principal: Igor Cysneiros/SCR

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: