Gol antológico, empate amargo: análise Salgueiro 1 x 1 CRB

Por: Guilherme Batista O empate em 1 x 1 entre Salgueiro e CRB teve um destaque especial: Ciel. O atacante de 39 anos marcou um gol do meio de campo, fez o que nem Pelé conseguiu, mas não foi capaz de dar a vitória ao Carcará neste domingo (4), no Cornélio de Barros, pela penúltimaContinuar lendo “Gol antológico, empate amargo: análise Salgueiro 1 x 1 CRB”

Salgueiro na Copa do Nordeste: como joga taticamente o CRB

Por: Guilherme Batista Vencer ou vencer. Em jogo de seis pontos, o Salgueiro terá pela frente o CRB. Enquanto o Carcará precisa da vitória para entrar no G4 do grupo B, os três pontos são necessários para carimbar o passaporte dos alagoanos para o mata-mata da Lampions. Jogo acontece às 16h deste domingo (4), noContinuar lendo “Salgueiro na Copa do Nordeste: como joga taticamente o CRB”

Leão cantou de galo: análise CRB 2×0 Sport

Por: Mateus Schuler O Sport ainda não mostrou a que veio na Copa do Nordeste de 2021. Após tropeço na estreia, o Leão foi derrotado por 2×0 pelo CRB neste sábado (6), no Estádio Rei Pelé, em Maceió, ficando em situação complicada do Grupo B, amargando a vice-lanterna e permanecendo com um ponto ganho. OContinuar lendo “Leão cantou de galo: análise CRB 2×0 Sport”

Sport na Copa do Nordeste: como joga taticamente o CRB

Por: Mateus Schuler Um Galo praiano cruza a rota do Sport. Para remar contra a maré de azar e voltar a vencer na temporada – acumula um empate e uma derrota nos dois últimos compromissos –, o Leão tem confronto marcado com o CRB neste sábado (5), às 16h, no Estádio Rei Pelé, em Maceió,Continuar lendo “Sport na Copa do Nordeste: como joga taticamente o CRB”

Novo técnico, velhos erros: análise CRB 2×1 Náutico

Por: Mateus Schuler A estreia de Hélio dos Anjos no comando do Náutico era esperada que fosse dos céus, contudo o time voltou a repetir os mesmos erros de outrora e viu o inferno da Série C ficar cada vez mais perto. Neste sábado (21), foi derrotado pelo CRB por 2×1 no Rei Pelé, emContinuar lendo “Novo técnico, velhos erros: análise CRB 2×1 Náutico”